quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Coentro, para que te quero?

Ora viva pessoal! Hoje venho falar-vos do coentro. Como sabem não estava nos planos semear esta planta aromática. No entanto quando me lembrei de comprar sementes à mão cheia pareceu-me bem no momento trazer coentro. Só depois é que me lembrei que acho que não aprecio muito o sabor da comida aromatizada com esta planta.

Uma vez a fofuxa levou-me a jantar a um restaurante indiano e eu fiquei meio enjoado com o sabor carregado da comida. Se não estou em erro, os indianos gostam de abusar no coentro e no caril para condimentar os seus pratos. Mesmo assim, tenho a ideia que o coentro vai bem com uma sopa ou um arroz de peixe, moderadamente claro. Aliás, foi precisamente a pensar nisso que comprei as sementes de coentro. A mulher de vez em quando faz arroz de peixe e acho que o coentro vai dar sabor especial ao prato. Já a sopa de peixe, cá em casa ela nunca a fez, mas depois do coentro crescer acho que vai experimentar.

Coentro

Até ver o coentro está a crescer bem. O vaso já está todo composto e os rebentos fazem lembrar a salsa. As duas plantas têm folhas trifoliadas, mas as do coentro são mais rendilhadas do que as da salsa. De qualquer forma não é de admirar porque parece que o coentro e a salsa pertencem à mesma família, tal como a cenoura curiosamente. E pensando bem no caso, realmente a salsa cria uma raiz comprida que faz lembrar uma cenoura mirrada e as folhas da cenoura também têm alguma semelhança com as da salsa. Será que o coentro também cria uma raiz comprida? Se criar pode revelar-se má ideia criar coentro em vasos, tal como já ouvi dizer para a salsa.

Semente de coentro

Para minha surpresa, as sementes de coentro ainda são granditas, quando comparadas com as sementes das aromáticas que já semeámos até agora. Não sei porquê esperava uma semente mais pequena. Ainda assim semeei esta planta da mesma forma que as outras. Espalhei umas quantas sementes no vaso e depois cobri-as com uma fina camada de terra. Reguei sempre que necessário e esperei que acontecesse o milagre da viva.

Rebento de coentroRebento de coentro
Coentro

Ao fim de alguns dias germinaram as primeiras sementes. Por esta altura isto já não é novidade por aqui, mas continuo a adorar esta fase. É fantástico ver os rebentos a brotar da terra e as folhas a tomar forma.

E pronto. Com este post terminamos a apresentação de todas as culturas da horta vertical, pelo menos por agora. Mas não pensem que com isto se acabaram os textos sobre a horta. Não senhor! O espaço é pouco mas na área reservada para a horta ainda temos uma parede com 60 centímetros de largura toda livre. O que será que lá vamos fazer?

2 comentários:

  1. E o coentro é tão aromático, consegue invadir uma cozinha com o seu cheirinho. Adoro. Bisous, Né

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um dos objetivos da construção da nossa horta-jardim de varanda é aromatizar também o espaço. A varanda fica à beira de uma estrada muito movimentada, por isso tudo o que ajudar a tornar o ar mais respirável é bom. Já estou a imaginar a varanda com um cheirinho a campo :)

      Abraço e obrigado.

      Eliminar